29 de jun de 2013

8° Mesversário e a Crise da Angustia da Separação ( Crise dos 8 meses)

Estou super atrasada pra falar do mesversário da Manu, eu sei, mas não posso deixar passar em branco mais uma fase no desenvolvimento da minha pequenininha!

Não sei o que acontece, mas de um tempo pra cá, eu não sei mais o que é dormir de noite, ela acorda praticamente de meia em meia hora querendo o peito, está muito apegada a mim, não aceita o colo de ninguém, só o meu! 

Comecei a pesquisar, e nos encaixamos em mais um pico de crescimento da Manoella, a temida crise dos 8 meses!
Agora o bebê tem certeza de que ele e a mãe são pessoas diferentes, e fica com medo de que, quando vê a mãe se afastando, ela não volte nunca mais! E isso causa uma ansiedade enorme, medo, insegurança...
Por esse motivo, ele acorda diversas vezes por noite, e chega a não aceitar o colo de ninguém, só da mãe,  para certificar de que ela se encontra ali, e não foi embora!
Tem casos de que o bebê faz uma baita greve de fome, e alguns apresentam sinais de agressividade, e o apego com a mãe é bem maior do que o normal.

Não posso negar, que ver minha pequena tão apegada comigo é uma delicia, ver que ela aprendeu a dar o braço só para vir para meu colo,estar no colo de alguém, chorar e olhar pra mim querendo dizer um " Manhê, vem pra mim!" é muiito gostoso! Mas as noites estão sendo bem complicadas, já tentei de tudo, chá de camomila, banho com camomila, shantala, suco de maracujá, e até já dei uma mamadeira com leite artificial pensando que ela não acordaria a noite, como muita gente diz por ai... ( e quem inventou essa baboseira ? Ela acordou a mesma coisa do que quando mama leite materno! Vou usar esse leitinho artificial só na minha ausência mesmo !) e ela continua acordando 3, 4 vezes por noite! 
De dia aprendi a fazer uma rotina e ela dorme um pouco de manhã depois da frutinha, e depois do almoço, mas eu não consigo descansar de dia! ( Será que estou acabada?! )
Amor e Paciência, são os únicos remédios para atravessar essa fase, e entender que apesar de ser chamada de crise, é um dos picos de desenvolvimento do bebê mais importantes, e o bebê precisa de compreensão!
Dica: Quando for deixar o bebê em um canto da casa e precisar ir para outro comodo, vá cantando, ou chame o bebê pra ele ver que a mãe está longe, mas não vai embora! A brincadeira do esconde - esconde com o lençol também pode ajudar!

Mudando um pouco de assunto e voltando para o desenvolvimento da Manoella... 

  • Ela agora está comendo super bem, chega a comer um prato de adulto de papinha, quando come uma fruta, reclama e pede mais ! Mas tem um sério problema com líquidos! Não bebe água de jeito nenhum, tento enganar com chá e suquinho, mas ela toma super pouco!
  • Começou a engatinhar para trás, pode isso Arnaldo?! Eu coloco ela em determinado lugar, e em menos de um minuto lá está ela indo pra debaixo do berço, da cama, da mesa... de costas! Estou incentivando colocando os brinquedos na frente dela, e chamando ela pra perto de mim, sei que quando menos esperar ela vai pra frente e não vai parar mais! 
  • É engraçado que, quando ela faz aquele barulho de que está reclamando, eu aprendi que ela está brigando comigo e quando eu imito esse barulho com ela, ela me olha, mostra um bico tão lindo, tão gostoso e começa a chorar sentida, deve pensar que eu estou brigando com ela também ! Virou meu novo hobby fazer isso só pra ver a carinha que ela faz e dar umas mordidas! 
  • Agora ela fica cantando : ♪ Dá Dá Dá ♪ e vai para o lado e para o outro, dançando...enfim, ela está a coisa mais engraçada e gostosa desse mundo! Mamãe coruja e babona mode on!


Pra não perder o costume, foto com o bolo no mesversário  e agora é impossível tirar foto bonitinha na frente do bolo !



2 comentários :

  1. Menina... pareceu eu falando do meu filho quando ele era pequeno.
    Acho que é normal eles terem essas crises e acordarem demais de madrugada. Aqui em casa foi assim durante muito tempo. E realmente parece que eles sentem nossa falta, por isso acordam, querem nossos cheirinho...
    Gostoso, realmente! Mas tão cansativo!!!

    O que fazer pra driblar? Bom, tinha dias que eu não aguentava ficar acordada das 6 horas em diante... e deixa meu filho com o marido até as 8h pra poder descansar de verdade. Se for pensar 2h bem dormidas não é muita coisa pra uma atividade tãoooo cansativa.

    Quanto ao desenvolvimento deles... sua filha está numa fase realmente muito divertida. Ela parece ser muito cativante, além de linda!
    Parabéns para pequena... que continue crescendo linda, maravilhosa e com muita saúde!

    Beijos
    Karin
    www.mamaeecia.com.br

    #amigacomenta

    ResponderExcluir
  2. É assim mesmo, também passei por isso, mas não foi assim tão intenso, a pediatra disse que muitos bebês tem isso, mas que era para eu ter paciência, minha dica é essa tenha paciêcia que vai oassar!]Bjos
    Tatty
    http://diariomaedeprimeiraviagemtatty.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir