30 de set de 2012

A Lua Influencia no nascimento dos bebês?


Vi esse calendário no meu grupo de gravidas no Facebook, a todas começaram a calcular as luas, pra simular a data do parto dos nossos bebes...
Para calcular, tem que ver em que lua estava na ultima mestruação, e contar 36 semanas, ou 10 luas seguintes, a lua cheia virou hoje, e apesar de eu ter passado o fds todo andando, a Manu nem encaixou ainda, e pelos meus cálculos com esse calendário lunar, ela poderia ( ou poderá) vir nessa lua cheia!
Será que a lua influencia mesmo no parto, ou é apenas mais um mito, de gravidez ?
Eu não senti nada no dia de hoje, acordei com um mal humor fora do comum, mais nenhum indicio de trabalho de parto chegando, mais conheço meninas que a pressão aumentou, que o tampão quis sair antes da hora, que sentiu contrações além do normal...



Dei uma pesquisada, e encontrei no site Zastros uma pequena explicação...

Apesar de não haver nenhuma comprovação científica que embase essa teoria, mulheres e médicos confirmam que o número de nascimento de bebês aumenta nas mudanças de fases da Lua e na fase da Lua cheia. É também sabido que alguns obstetras marcam os partos nesses ciclos lunares.Quando a Lua está mais próxima da Terra, ela interfere nos elementos fluidos, como as marés, por exemplo. Para a astrologia, como a Lua influencia todos os líquidos da Terra, não poderia ser diferente com os seres humanos. Portanto, esta interferência da Lua também se estende ao fluxo de água do ventre materno.

Pelo sim ou pelo não, a lua cheia ainda permanece essa semana, então farei um teste se funciona comigo, se a Manoella der o ar da graça nessa semana, passarei a acreditar e muito na lua, e tudo que envolve astrologia !!

Que a lua não me traia, porque to ansiosíssima  pra ter minha gordinha nos braços!!

29 de set de 2012

O Inchaço no final da gravidez


Comecei a inchar com 34 semanas, tomei um susto quando olhei pra baixo e vi o tamanho do meu pé !

Inchaço no terceiro trimestre é comum, e existe por varios motivos: Com a gravidez, aumenta o volume do sangue no nosso corpo, e conforme o útero vai crescendo ele pressiona as veias, e desacelera a circulação do sangue

O útero maior pressiona as veias pélvicas e a veia cava (uma grande veia na parte direita do seu corpo que recebe sangue dos membros inferiores), desacelerando a circulação e fazendo com o que o sangue se acumule.

A pressão do sangue preso faz com que água desça para os tecidos dos pés e tornozelos. Essa água é líquido que está no seu corpo de qualquer forma, mas acaba sendo movimentado.

Outro problema é que muitas mulheres grávidas também retêm líquido, o que contribui ainda mais para o inchaço.

O calor também favorece o inchaço. Normalmente quem tem bebê no final do verão acaba ficando mais inchada que quem chega ao final da gravidez no inverno.

O edema é uma coisa bem normal e comum entre as grávidas. Porém, se você apresentar um inchaço acentuado ou repentino nas mãos e no rosto, fale com seu médico, porque isso pode ser um sinal de pré-eclâmpsia, um problema grave.

28 de set de 2012

Série Perfil Mamãe Blogueira - Recanto das Mamães blogueiras

Para ter um blog, além de gostar de escrever, tem que ler muito, e eu passo minhas tardes lendo blogs de maternidade, filhos, beleza e afins...

E o Recanto das mães blogueiras, teve a iniciativa super legal, de apresentar para nós leitoras, as demais leitoras e blogueiras, que também tem seus blogs, seus filhos, e cada uma com sua história e sua mensagem para ser passada ! E eu não quiz ficar de fora dessa brincadeira super legal, e respondi o questionário do blog, que me incentivou muito para ter meu blog, e junto com a publicação, estou conhecendo novas mamis blogueiras, e ganhando o incentivo de todas também !

Nem preciso dizer que adorei, né ?!

Segue a minha participação no blog...  


E para quem me visita, sou super aberta a sugestões e idéias, vou ficar feliz se tiver alguma coisa bacana que eu possa fazer, não só pra ter um blog legal para falar da minha vida, mais para ajudar todo mundo, que um dia possa a passar pelas mesmas situações que eu !

27 de set de 2012

Dando inicio ao sonho do parto humanizado

Quem ler meu blog desde o primeiro post, sabe que eu tive rejeição a gravidez, e uma grande depressão por isso!

Foram 5 meses agoniantes de pensamentos negativos, choros, repulsa, e fragilidade diante da gravidez totalmente inesperada e indesejada !
Depois de começar a aceitar a gravidez, não tive o apoio de muita gente, nem mesmo do Sistema Único de Saúde, minhas primeiras consultas de Pré Natal no posto de saúde foram péssimas, saia do consultório constrangida e com vontade de chorar !
Por não ter uma GO que tirasse minhas duvidas, comecei a tirar todas minhas duvidas online, e a ler muito sobre gravidez, até ler sobre o parto humanizado, e me encantar sobre esse mundo, que até então não conhecia !
Nada mais justo para mim e para a Manoella, já que no inicio da gestação transmiti ( mesmo sem querer) tantos sentimentos ruins para ela, fazer com que o momento do parto fosse especial para nós duas, e que fossemos respeitadas, e tratadas como gente e não só um numero !

Foi ai que conheci pela internet e por muitos relatos de parto, a Casa Ângela, liguei, fui na reunião de acolhimento, e não deu outra, me apaixonei !
Na semana seguinte já comecei o pré natal humanizado, e me perguntei o porque não procurei esse lugar abençoado desde o inicio da gravidez?!

Enquanto no posto de saúde, eu entro muda, e saio calada porque a GO mal olha na minha cara, e todas as minhas duvidas para ela  sempre tem a mesma resposta: " É normal, se você sentir alguma coisa de diferente vai no PS!!" além de escutar o coração do bebe por um minuto certinho ( além de passar aquele aparelho a seco na barriga, sem direito a gel !), na Casa Ângela eu aprendi a diferença do batimento do cordão umbilical do batimento do coração da minha filhota, as enfermeiras todas maravilhosas, conversam com a Manu, na hora de medir a barriga me ensinam a apalpar a barriga, de um modo que dá pra sentir direitinho a cabecinha, e explicam tudo nos mínimos detalhes, e te respeitam mais do que uma paciente, te tratam como mulher, como gente de verdade e transmitem nesse tratamento toda a confiança que devemos ter na gravidez, pelo menos eu comecei a ver a gravidez de um outro angulo, e criei um laço de amor maior com a minha filhota, e me deu a vontade enorme de tentar um parto humanizado !

Meu parto da Carol aconteceu a 7 anos atras, eu não lembro de quase nada da gravidez, não tenho nem fotos grávida, era muito desencanada em relação a isso, só ia levando...Mais não tem como esquecer do parto! ( e das únicas lembranças dele, lembranças negativas!)
Na hora das contrações corri pro hospital, tive que ficar quietinha esperando a dilatação chegar, e depois de umas 6 horas sentada aguardando, fui na sala de pré parto e foi automático assim :  Me colocaram no soro, a dor dobrou de intensidade, depois de um certo tempo pegaram uma vara enorme e estouraram a bolsa, depois de mais algumas horas me levaram pra sala de parto, fizeram a episiotomia ( que eu só fiquei sabendo o que era e que tinham feito em mim, na hora dos pontos), a cada contração me pediam pra fazer força e uma enfermeira empurrava minha barriga pra baixo... A Carol nasceu e eu respirei aliviada, pensei "acabou, obrigada Deus!" só que não, veio uma dor maior do que todas as que eu senti até então, e era os pontos da epísio, algo inesquecível e muito, muito dolorido!  Pois bem, me mostraram minha filha por uns segundos, e levaram ela de mim, e só pude ver ela no dia seguinte!
Essa é a lembrança que tenho do meu primeiro parto, com 18 anos, passei por tudo isso sozinha, sem acompanhante, sem ninguém que eu conhecia!

A ultima coisa que eu desejo pra mim nesse momento, é passar por momentos como esse novamente, se o inicio da minha gravidez foi tão complicado, turbulento, é meu dever como mãe e mulher fazer com que a Manu se sinta muito amada, desde antes de sair da minha barriga!
E a Casa Ângela foi a luz que apareceu no meu caminho!

Vou falar mais sobre esse lugar mágico, e sobre parto humanizado nos próximos posts !

22 de set de 2012

Os incômodos da reta final !


36 semanas e 5 dias, e uma lista de reclamações na mão !
O que mais incomoda, agora na reta final ? Fiz uma listinha do que mais me incomoda, e o que faço ( ou deveria fazer ) para me sentir melhor !


INCHAÇO NOS PÉS - O útero aumenta de tamanho, comprime as veias, e dificulta a circulação do sangue, fazendo assim o corpo reter liquido !
SOLUÇÃO - Dizem que meia para compressão melhora a circulação, e assim, diminui o inchaço, mais quem consegue passar o dia inteiro com uma meia calça nesse tempo seco ?

DIFICULDADE PARA DORMIR -  Raramente tenho uma boa noite de sono, é difícil encontrar posição para ficar, falta de ar, perna que dói, vontade de ir no banheiro durante a madrugada, e a ansiedade e medos que tiram o sono de qualquer um !
SOLUÇÃO - Hora de pegar todos os travesseiros, almofadas da casa,e marido ( ou namorado !) e colocar entre as pernas, entre os braços, nas costas, nada como criar um casulo para tentar ter uma boa noite de sono ! Eu sinto muita falta de ar se fico muito tempo de barriga pra cima, então adotei o lado esquerdo para dormir, e dizem ser mesmo, o melhor lado para dormirmos!

DOR NAS COSTAS - Chega no final do dia, me sinto uma idosa com a mão nas costas e andando toda encurvada pra frente!
SOLUÇÃO - Nada como deixar água quente cair nas costas, e pedir uma massagem pro marido, o meu não é lá um expert em massagem, por isso comprei um rolinho de madeira próprio pra massagem, só colocar um óleo nas costas e pedir pra passar o rolinho, é uma delicia !
Esses são, pra mim os piores incômodos até o momento, se surgir outros, eu posto aqui !
 Comecei a inchar com 34 semanas, devido ao tempo escandalosamente seco e quente, mais o inchaço na gravidez é super comum no terceiro trimestre, desde que a pressão arterial não esteja alta ( pois pode ser sinal de pré eclampsia !)

Além de tomar muita água, a solução que encontrei contra o inchaço, foi elevar os pés na hora de dormir, e tomar uns sucos antioxidantes que ajudam no desinchar ...
Estou viciada nos sucos que contém couve, e suco de couve com laranja e de couve com abacaxi ajudam a diminuir o inchaço além de te deixar super saciada por horas !  As vezes misturo com a laranja, cenoura e mel e no de abacaxi hortelã, fica uma delicia !

A vontade de ir ao banheiro de madrugada, só passa se não ingerirmos liquido no período da noite, mais eu não consigo mais ficar sem minha garrafa de água por perto, então sou obrigada a conviver com esse incomodo !
Sempre fui muito ativa, adoro andar, mais agora nessa reta final, nem me reconheço mais ! Passar um tempo em pé, já é sofrimento, e quando não resisto as minhas caminhadas, mesmo andando igual uma pata, me sinto quebrada !
Não é pra menos, engordei demais na gravidez, e minha pequenininha também, está bem gordinha, é normal sentir dor nas costas e no corpo todo, devido ao tamanho do corpo !
Dizem que hidroginástica, e ioga também ajudam e MUITO, mais infelizmente não tive tempo de fazer !




13 de set de 2012

Comprinhas para a Mamãe

Estou com 35 semanas, e já era pra mala da maternidade estar pronta, mais como boa brasileira que sou, tô bem atrasada com a mala, e o restinho do enxoval da Manoella ainda !!

Hoje foi dia de fazer compras pra mim, afinal, o enxoval da Mamãe também tem que estar prontinho pro momento tão esperado !!

Comprei minha cinta pós parto...
A vendedora quis medir meu  quadril e disse que eu teria que usar a cinta tamanho G, só que esse tamanho são medidas de quem usa manequim 46/48... Então arrisquei em um M que é para quem usa manequim 42/44, e eu sempre fui 40/42, espero ter comprado a numeração certa, pra barriga voltar ao lugar rapidinho!!
Tinha vários modelos de cinta, um em forma de maiô, não curti muito porque sei que vou sentir muito calor , e acabar desistindo de usar a cinta, tinha um modelo que é parecido com uma faixa , eu tenho uma dessa , e não gostei muito, porque com os movimentos dá a impressão que ela sai do lugar, sobe um pouco, e os pneuzinhos ficam pra fora ( e cá entre nós, isso é abominável!), e o modelo que eu comprei, em cetinete, que é como se fosse uma calcinha com o cós super alto ( até a altura dos seios ), com fecho em zipper, e da marca My Lady.

Eu já tinha comprado um sutiã para amamentação, e na loja que eu fui, só tinha lingeries brancas, bege e pretas... Quando eu vi a quantidade de sutiãs de amamentação, coloridos, rosas, e até com bojo... me segurei pra não sair comprando todos !
Como já tinha um branco básico, comprei um preto com rendinhas rosa e um conjunto azul, que juro, não parece que é de amamentar !
Mais quem disse que só porque somos gestantes, e lactantes, não podemos usar lingeries bonitas, não é mesmo ?
 Todos que comprei foram da marca My Lady Maternidade, lindos, e com um precinho super bom!  Recomendo !



12 de set de 2012

Depressão na Gravidez

Não sei se comentei aqui, mais a minha gravidez não foi nada planejada, muito pelo contrário, meus planos para o ano de 2012 eram estudar muito, encontrar um estágio, e estava incluído até um cruzeiro no final de ano e meu tão sonhado silicone !!

Depois do positivo no meu exame de farmácia, a minha vida mudou completamente !
Meus sorrisos, meu alto astral, deu lugar ao choro, ao medo, a angustia e o que mais me preocupou, me fez perder a vontade de fazer todas as coisas que eu sempre gostei de fazer (até de sair na rua!) e me afastei de todos, todos meus amigos, além de esconder a barriga!!
Foram 5 meses de rejeição, negação, tristeza, e depressão !

Quando vi o estágio que eu estava, procurei um psicologo, e frequentei apenas duas sessões de terapia, e pela minhas conversas, e tudo que estava passando, era óbvio que eu estava no inicio de uma depressão !

Fiz alguns exercícios, fui "obrigada" a sair de casa , para rever no minimo dois amigos, tive que me colocar no lugar da minha filha mais velha, na hora das brigas, para ver o que ela sente, e tive que anotar tudo, tudinho o que me fizesse chorar, ou me sentir mal ! Foram longas linhas de caderno, que não pude levar para a psicologa, porque desisti do tratamento !  Mais as duas sessões que fui, me fez sentir melhor, tirei umas fotos, comecei a pegar amor pela minha princesinha, mesmo sem gostar do barrigão!

Mais infelizmente agora na reta final, no ultimo mês, os sintomas voltaram com tudo!
Uma tristeza que invade a alma, vontade de chorar sem motivo e com motivos, ver pessoas felizes realizando sonhos, me causa inveja, ver meu corpo o triplo do tamanho, me faz me sentir feia, gorda e sem alto estima nenhuma, e com isso a insegurança em relação com o namorado é constante e enorme !
Acordo sentindo que as pessoas não gostam de mim, que meu namorado vai encontrar pelas ruas uma garota que tem um corpo bonito enquanto eu estou aqui obesa e sem vontade de me cuidar, que eu nao vou poder voltar a estudar... e sem mais nem menos, eu choro, me dói o peito,e eu sou obrigada a passar o restante do meu dia com essa angustia no peito!

Sei que não faz bem sentir isso, e sei mais ainda que não poderia ter largado a terapia, ainda mais sabendo de casos de problemas psiquiátricos na família, mais tem dias que eu simplismente não queria acordar, ou tem dias que eu sinto uma vontade enorme de sumir!

Será que todos esses pensamentos e sentimentos fazem mal para o bebe?
E será que no pós parto, tudo passa, ou tudo piora?
Eu me anulei nessa gravidez, será que depois que tudo isso acabar, eu vou me reencontrar novamente ?

Uma matéria legal sobre depressão na gravidez :
http://bebe.abril.com.br/materia/depressao-na-gravidez





10 de set de 2012

Chá de Bebê, o fiasco !

Uma das primeiras coisas que pensamos quando descobrimos a gravidez, é no chá de bebê !


Me empolguei no inicio, depois pensei em não fazer porque fora de um circulo profissional, distante dos amigos da faculdade, quem eu chamaria pra vir ? Mais fui convencida a fazer e não demorei muito pra me empolgar e começar a pesquisar e a querer criar a festa eu mesma !

Uma lista de 40 pessoas, entre meus convidados e convidados do namorado, lembrancinhas compradas, inventei de fazer o bolo de fraldas que eu acho a coisa mais linda da festa, quis fazer varal com nome, cubos com nome pra por na mesa ( mais o cubo não cheguei a imprimir).
De presente pedi a todos um pacote de fralda, e um item de higiene, ou itens básicos e baratinhos do enxoval...

Depois de dois dias indo a 25 de março, nesse calor infernal com esse barrigão de 8 meses, fiz uma torta de leite moça, um bolo de chocolate, brigadeiros, beijinhos e bicho-de-pé, meu namorado encomendou 200 salgados, minha mãe mais 100, fora os hot dog que minha mãe fez !

A decoração não ficou do jeito que eu imaginei, porque eu fiz tudo sozinha, e não dei conta, mais essa ainda não é a pior parte !!

Dos 40 convidados, apareceram uns 10 !
Fora que desses 10 alguns chegaram com as mãos vazias! ( Isso mesmo, sem nem um pacote de fralda ao menos !)

Eu acabada, estressada por ter organizado tudo, e o resultado disso... ninguém apareceu!

Cheguei a algumas conclusões !!

Se você não trabalha, nem estuda, nem tem uma família unida, não faça chá de bebe !
Nessas horas percebemos o quanto somos importante para as pessoas, que dizem ser nossos amigos, dizem, porque na hora de provar, cade ?

Fiquei uma noite em claro, extremamente decepcionada e frustrada, pensando que com o que gastei pra "agradar" a todos, poderia ter comprado tudo, que pedi de presente e não ganhei!

Mas a vida é assim, são nessas horas que conhecemos as pessoas, e agora é hora de correr atras do prejuízo  porque meu estoque de fraldas com 35 semanas, calculam 6 pacotes !

Pelo menos registrei o que eu tive a intenção de fazer , para dar as boas vindas pra minha Manoella, junto com os amigos

VARAL COM NOME:


MANOELLA COM MAMÃE E PAPAI:


  BOLO DE FRALDAS:





6 de set de 2012

Primeiro Post, e uma participação em uma matéria de grávidas !

Fiquei meses planejando fazer um blog...
Antes de engravidar, seria sobre comunicação (minha maior paixão e que fui obrigada a apertar a tecla pause por um tempo!) mas, com a minha gravidez nada planejada, e tantas modificações tanto emocionais, como físicas, resolvi mudar o foco, e criar um blog sobre maternidade !

Fiquei um bom tempo pensando o que escrever no primeiro post !
Será que eu me apresento e mostro quem são as pessoas que fazem parte do meu universo? Será que já falo das minhas 34 semanas ? Ou será que posto como se já fosse íntima disso tudo ??

Ontem recebi a edição de aniversário da Revista Pais & Filhos, e quando abri, dei de cara com uma matéria sobre um  bate papo de grávida para grávida, e para minha surpresa, minha foto e meu depoimento estava ali !
Lembro que a uns meses atrás, uma das jornalistas pediram para as grávidas que estavam online no Facebook contassem como estava sendo a gravidez, e justamente naquela época, eu estava em uma depre danada, porque diferente do que a sociedade pensa, a gravidez PARA MIM não é um mar de rosas, e eu definitivamente não gosto de estar grávida! Sou louca? Mal amada ? Não, sou mulher !! ( Nos próximos post me explico melhor!)
E a matéria fala justamente disso, os medos,sensações,ansiedades, as reclamações, e claro, as partes boas, justo a qual falei na matéria!

Minha gravidez não tem sido um mar de rosas como os padrões exigem que seja. Talvez, a única coisa boa da minha gestação é sentir a minha Manoella mexer, principalmente nos momentos ruins. É como se ela quisesse dizer: ‘se acalma, mãe, vim de intrusa, mas estou aqui e vou te trazer muita alegria’ " , desabafa Patrícia Gomes, mãe de Carollina e esperando a Manoella.